quinta-feira, 13 de julho de 2017

Classificação de Incêndios e Tipos de Extintores



Classificação de Incêndios

Classe A
Incêndio originado pela queima de materiais combustíveis sólidos que geram resíduos como papel, madeira, plásticos termoestáveis, borrachas, tecidos e fibras orgânicas.

Classe B
O fogo é causado pela combustão de líquidos ou gases inflamáveis, combustíveis graxas e plásticos que queimam apenas em superfície e não geram resíduos.

Classe C
Incêndio gerado pela queima de equipamento e instalações elétricas energizadas, tais como quadros de força, fiação elétrica, transformadores, eletrodomésticos, etc.

Classe D
Fogo causado por metais combustíveis como magnésio, titânio, potássio, lítio, sódio e zircônio.



Tipos de Extintores

H2O - Água
È indicado para incêndios de classe A. Seu princípio de extinção é por resfriamento. É proibido o seu uso para incêndios de classe B e C.

CO2 – Gás Carbônico
É indicado para incêndios de classe B e C. Seu princípio de extinção ocorre por abafamento e resfriamento e age em materiais combustíveis e líquidos inflamáveis e também contra fogo oriundo de equipamentos elétricos

B/C – Pó Químico
É indicado para incêndios de classe B e C. Seu princípio de extinção é por meio de reação química.

A/B/C – Pó Químico
É indicado para incêndio de classe A, B e C. Seu princípio de extinção é por meio de reações químicas e abafamento (para incêndios de classe A) e pode ser usado para a contenção de fogo de praticamente qualquer natureza.

Espuma Mecânica
É indicado para incêndio de classe A e B e seu uso é proibido para incêndio de classe C. Seu princípio de extinção é por meio de abafamento e resfriamento.



Nenhum comentário:

Postar um comentário